Contemporary Challenges to the Implementation of Family Health in Minas Gerais

Maria Rizoneide Negreiros de Araújo

Resumo


Este artigo aborda as estratégias utilizadas pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais para o enfrentamento dos problemas da baixa resolutividade da atenção primária à saúde nos municípios mineiros. Destaca o Projeto Estruturador Saúde em Casa pelos investimentos realizados naqueles municípios que possuem equipes saúde da família e ainda o apoio técnico-pedagógico para contribuir na reorganização do modelo assistencial. Ressalta os desafios enfrentados para consolidar a estratégia num estado com uma marcada desigualdade social entre as regiões, na distribuição de renda e no acesso a bens e serviços.

Palavras-chave


saúde da família, saúde em Casa; política pública

Texto completo:

Sem título PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18569/tempus.v1i1.387



Revista Tempus - Actas de Saúde Coletiva (ISSN 1982-8829).
Revista coordenada pela Unidade de Tecnologias da Informação e Comunicação em Saúde (UTICS) do Núcleo de Estudos de Saúde Pública (NESP) da Universidade de Brasília (UnB).
Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Compartilhamento pela mesma licença 3.0 Unported License.
____________________________________

____________________________________